Talvez você nunca tenha pensado em chamar uma criança de Pippa, mas muitos futuros papais e mamães de países de língua inglesa pensam. Um levantamento feito pelo site Nameberry em cima de 23 milhões de acessos mostrou que ‘Pippa’ (e seu original, ‘Philippa’) foi o nome que mais subiu na lista de favoritos – não aparecia nem entre os 200 primeiros, e agora é o 35º.

A explicação para a subida vertiginosa foi a popularidade de Pippa Middleton, irmã da duquesa de Cambridge e cunhada do príncipe William. Antes desconhecida, a jovem inglesa virou uma celebridade após ser dama de honra no casamento de Kate e William, em Londres.

E ‘Pippa’ ficou muito à frente de ‘Kate’ na lista de nomes para bebês: o nome da furuta rainha da Inglaterra ficou apenas na 209ª posição.

Outros nomes também ficaram populares no último ano por causa de celebridades, segundo a pesquisa da Nameberry. O site destacou ‘Mila’, que subiu do 460º lugar para o 364º por causa da atriz Mila Kunis, a vilã de Cisne Negro, e ‘Adele’, nome da famosa cantora inglesa que pela primeira vez em décadas voltou ao top 1000.